A canção que ecoa na intimidade

Quantas vezes clamamos por conhecer Jesus, mas será que realmente queremos? Conhecer Jesus é se des-conhecer e se re-conhecer todos os dias a partir de uma nova perspectiva, que Ele nos deu.
Na carta aos filipenses, no capítulo 3, o apóstolo Paulo fala:
Sim, todas as coisas que um dia considerei importantes nada mais valem na minha vida. Comparado com o alto privilégio de conhecer Cristo Jesus, meu Senhor, em primeira mão, tudo o mais é insignificante – esterco. Joguei tudo no lixo para abraçar Cristo e ser abraçado por Ele. Não me interessa a justiça inferior e insignificante que se baseia na observância de uma lista de regras, quando posso desfrutar aquela que é resultado de confiar em Cristo – a justiça de Deus.
Desisti daquelas coisas inferiores para que pudesse conhecer Cristo pessoalmente, experimentar o poder de sua ressureição, ser companheiro de seu sofrimento e ir com ele até a morte.”
(V. 8-11)
Sim, você precisa desistir do que é inferior. E eu vou te dar uma dica, tudo é inferior comparado a Ele. Ele é o nosso Mestre e Amor leal. As vezes, não entendemos o significado de “conhecer Jesus”, mas “conhecer Jesus” é abrir mão de tudo aquilo que você já conhecia, da sua noção de justiça, da sua noção de realidade, e abraçar essa causa, abraçar quem Ele é, abraçar as palavras que Ele declara a seu respeito! Você pode viver uma vida toda sendo cristão sem realmente conhecer Jesus. Ou, você pode escolher se livrar dos pesos que não mais te pertencem, e mergulhar nesse abraço.
Uma das coisas que eu aprendi vivendo com Deus é que Ele é um lugar muito confortável. O seu abraço tem cheiro de lar, seus ombros nos envolvem, e nesse lugar nossa cabeça está perto do seu coração. Eu amo a expressão de abrir mão para abraçar a Cristo e ser abraçado por Ele. Porque quando você está abraçado com alguém (que é maior que você), você consegue ouvir as batidas do seu coração. E é nesse lugar, é nesse abraço que nós ouvimos as batidas do coração Dele. O que move o coração do nosso Pai? É nesse lugar que nós nos deixamos ser embalados pelo Seu propósito. É porque estamos abraçados com Ele que a nossa própria opinião, os nossos próprios desejos, não importam mais, o som do seu coração nos move. O que Ele deseja se torna o que nós desejamos. É nesse lugar que podemos nos encontrar com a essência de quem fomos criados para ser, e transmitir ao mundo o que ouvimos Dele. As vezes, nós queremos muito que Jesus nos toque, as vezes, nós queremos Ele como companheiro, mas não queremos ser companheiros Dele. Isso é tão forte. Será mesmo que nosso amor é sincero? Eu deixo essa pergunta como uma reflexão. Você está interessado em um Deus que realiza os seus sonhos ou está interessado em realizar os sonhos de Deus? Você está interessado em realmente conhecer Jesus a ponto de tudo se tornar insignificante? Não se amarre ao que apenas te prende na sua própria capacidade! Os dons que Deus nos deu não podem se tornar uma prisão. Se você passar a confiar na habilidade divina que repousa sobre você e não em Deus, você está aprisionado naquilo que você pode fazer, você está aprisionado no seu próprio esforço, e o que deveria ser uma benção para as nações irá limitar a sua visão. Permita ver do alto. Eu lembro quando eu era criança, e meu pai me colocava em seus ombros e passeava comigo assim. Nossa! Como eu amava essa sensação, eu via tudo de outra forma, eu via tudo em outro ângulo. Esse tem sido um tempo que Deus, como o Pai presente que é, tem me colocado em seus ombros e me feito ver muito além das minhas pernas. Eu sei que tem sido assim na sua vida também, permita que Ele te pegue pelos braços, te coloque em seus ombros e te faça ver muito além do que você conseguiria sozinho. Que Ele nunca deixe de ser o nosso firme fundamento. Que possamos conhecer Jesus, que possamos abrir mão de tudo pela revelação pessoal de quem Ele é, para ouvir e seguir os propósitos do Seu coração nessa geração.

2 comentários Adicione o seu

  1. Marcos Lima disse:

    Excelente , continue assim. Gostei da parte do pai levando a filha nos ombros.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s